quarta-feira, abril 25, 2007

Os protestantes honravam Maria




Há um artigo interessante que demonstra como no início do protestantismo Nossa Senhora era honrada pelos protestantes. Hoje somente a Igreja Católica presta a devida homenagem a Mãe do Nosso Senhor; Rainha do Céu, pois todo rei é filho de rainha...

Para saber mais leia o artigo completo onde há também o Manifesto de Dresden - documento redigido por vários teólogos luteranos sobre a Virgem Maria, "mãe do meu senhor" (Lc. 1:43)

Vejam algumas citações de Lutero, Calvino, Zwinglio e Wesley sobre a Virgem Maria:



''Quem são todas as mulheres, servos, senhores, príncipes, reis, monarcas da Terra comparados com a Virgem Maria que, nascida de descendência real (descendente do rei Davi) é, além disso, Mãe de Deus, a mulher mais sublime da Terra? Ela é, na cristandade inteira, o mais nobre tesouro depois de Cristo, a quem nunca poderemos exaltar bastante (nunca poderemos exaltar o suficiente), a mais nobre imperatriz e rainha, exaltada e bendita acima de toda a nobreza, com sabedoria e santidade.''
(Martinho Lutero, ''Comentário do Magnificat'', cf. escritora evangélica M. Basilea Schlink, revista ''Jesus vive e é o Senhor'').


***



''Por justiça teria sido necessário encomendar-lhe [para Maria] um carro de ouro e conduzi-la com quatro mil cavalos, tocando a trombeta diante da carruagem, anunciando: 'Aqui viaja a mulher bendita entre todas as mulheres, a soberana de todo o gênero humano'. Mas tudo isso foi silenciado; a pobre jovenzinha segue a pé, por um caminho tão longo e, apesar disso, é de fato a Mãe de Deus. Por isso não nos deveríamos admirar, se todos os montes tivessem pulado e dançado de alegria.''
(idem, cf. escritora evangélica M. Basilea Schlink, revista ''Pergunte e Responderemos'' nº 429).


***



''Ser Mãe de Deus é uma prerrogativa tão alta, coisa tão imensa, que supera todo e qualquer intelecto. Daí lhe advém toda a honra e a alegria e isso faz com que ela seja uma única pessoa em todo o mundo, superior a quantas existiam e que não tem igual na excelência de ter com o Pai Celeste um filhinho comum. Nestas palavras, portanto, está contida toda a honra de Maria. Ninguém poderia pregar em seu louvor coisas mais magníficas, mesmo que possuísse tantas línguas quantas são na terra as flores e folhas nos campos, nos céus as estrelas e no mar os grãos de areia.''
(idem, cf. escritora evangélica M. Basilea Schlink, revista ''Jesus vive e é o Senhor'')


***



''Peçamos a Deus que nos faça compreender bem as palavras do Magnificat... Oxalá Cristo nos conceda esta graça por intercessão de sua Santa Mãe! Amém.
(Martinho Lutero, ''Comentário do Magnificat'').


***



''O Filho de Deus fez-se homem, de modo a ser concebido do Espírito Santo sem o auxílio de varão e a nascer de Maria pura, santa e sempre virgem.
(Martinho Lutero, ''Artigos da Doutrina Cristã'')


***



''Não podemos reconhecer as bênçãos que nos trouxe Jesus, sem reconhecer ao mesmo tempo quão imensamente Deus honrou e enriqueceu Maria, ao escolhê-la para Mãe de Deus.''
(João Calvino, Comm. Sur l’Harm. Evang.,20)


***



''Firmemente creio, segundo as palavras do Evangelho, que Maria, como virgem pura, nos gerou o Filho de Deus e que, tanto no parto quanto após o parto, permaneceu virgem pura e íntegra.''
(Zwinglio, em ''Corpus Reformatorum'')



***


''Creio que [Jesus] foi feito homem, unindo a natureza humana à divina em uma só pessoa; sendo concebido pela obra singular do Espírito Santo, nascido da abençoada Virgem Maria que, tanto antes como depois de dá-lo à luz, continuou virgem pura e imaculada.''
(John Wesley, fundadador da Igreja Metodista, em carta dirigida a um católico em 18.07.1749)











16 comentários:

  1. Que interessante! Eu já tinha ouvido falar nesses textos, do começo do protestantismo, quando ainda reverenciavam Nossa Senhora, mas nunca os tinha lido assim, compilados e organizados. Parabéns! Estou linkando este post no meu, lá no Arte das artes, na parte que fala da negação dos evangélicos! Grande abraço, minha irmã!

    ResponderExcluir
  2. Nossa!Muito polêmico, hem?
    Adorei teu comentario sobre as práticas, borboleta.
    Bjão! Muita luz!!

    ResponderExcluir
  3. Grande abraço, Merton!

    Esmeraldinha, é realmente polêmico o assunto! Seria bom se os interessados buscassem a verdade. Aliás, todos deveriam sempre buscar a verdade, e não se fechar em ideologias, seitas...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  4. OrleySilva5/23/2008

    O grande engano de alguns é pensar que os evangélicos desonram Maria. O que nós não aceitamos e isso está dentro do príncipio bíblico,é coloca-la na posição de Deusa.Tem coisas que passam completamente despercebida daqueles que "veneram"Maria. 1º) Ela foi uma serva de Deus, obediente e submissa, e em tal condição, jamais aceitaria qualquer honraria, pois nem mesmo os anjos de Deus aceitam qualquer tipo de veneração (Apoc.22.8-9). 2º) colocam Maria na posição de Medianeira, o que contraria a própria Bíblia que diz: Por que ha um só Deus e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem (1º Timóteo 2:5). 3º)Existem 3 atributos que pertencem unicamente a Deus: Onisciência, Onipotência e Onipresnça. Só Ele pode estar em todos os lugares ao mesmo tempo, só Ele pode todas as coisas e só Ele sabe todos as coisas. Quando se eleva a Maria, ou a qualquer santo, uma oração, estamos lhe atribuindo atributos que só pertencem a Deus, pois se 1000 pessoas em lugares diferentes oram a Maria, e supostamente são todos ouvidos por ela, conclui-se que adquiriu a capacidade de ouvir a todos e de estar com todos no mesmo momento, ela teria se tornado onisciente, mas a bíblia diz:Eu sou o Senhor, este é o meu nome, a minha glória, pois, a outrem não darei, nem o meu louvor as imagens de escultura. Is.42.8. 4º)Não se econtra nas páginas do novo testamento nenhuma oração feita pelos apóstolos, ou cristãos a qualquer santo, ou a Maria,mas somente a Deus em nome de Jesus. Aliás foi o Senhor Jesus que disse que:E tudo quanto pedirdes em MEU NOME Eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. João 14:13. Não se trata de dogmas, aqui é somente a Palavra de Deus que tem autoridade para dizer o que está certo ou errado em matéria de fé. Maria é honrada sim , como todos os demais que foram fiéis a Deus, mas a verdadeira honra só pode ser dada por Deus e no dia da ressurreição, Maria, os apostólos e todos os que obedeceram a Ele, receberão a sua recompensa. O autor desse blog diz: Conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará. É isso que desejo para todos em Nome Daquele que Morreu por nossos pecados, para que pudessemos ter a vida eterna. Amém

    ResponderExcluir
  5. Orley, muito obrigada pelo seu comentário.

    Vamos esclarecer as coisas.

    A Igreja não coloca Maria na posição de deusa. Ninguém adora Maria. Desafio você e qualquer um a encontrar um único documento da Igreja que afirme isso. Você não vai encontrar porque isso não existe.

    Maria é chamada por nós católicos de co-redentora ou medianeira. Medianeira quer dizer intercessora. Como diz Jaime Francisco de Moura:

    "Maria e os Santos são Intercessores humanos junto a Jesus. É o que ocorreu durante as bodas de Caná (João 2,1-11) em que Jesus transformou água em vinho por causa da Intercessão humana de Maria junto a ele. Não foram os noivos que vieram pedir o milagre diretamente a Jesus, mas usaram da intercessão humana da Mãe de Jesus. E Jesus atendeu, mesmo não chegando a sua hora. A Igreja sempre ensinou que há um único Mediador entre Deus e os homens: Jesus Cristo (1 Timóteo 2,5) mas, Jesus também admite pedidos de intercessores humanos junto a Ele. Jesus é o Mediador, mas de Rendenção, o que não exclui a mediação de intercessão dos Anjos, dos Santos e Maria"

    Veja essas passagens da Sagrada Escritura:

    "Completo, na minha carne, o que falta aos sofrimentos de Cristo."(Cl 1, 24)

    e

    "Incessantemente, e por toda parte, trazemos em nosso corpo a agonia de Jesus, a fim de que a vida de Jesus seja também manifestada em nosso corpo" (2 Co 4, 10)

    Como disse Alexandre Semedo: "se São Paulo afirma que os cristãos "completam na carne o que falta aos sofrimentos de Cristo", e se são estes sofrimentos o que nos salvou, então, cada cristão é, em sua própria medida, um co-redentor com Cristo.

    Maria, portanto, como todo e verdadeiro cristão, está associada à obra redentora de Cristo. Ela não é uma redentora paralela a Cristo, mas subordinada a Ele.

    Apenas que, sendo a mais elevada de todas as criaturas, ela está associada a esta obra redentora em um nível muito maior do que o de todos os demais.

    "Entrando na casa onde ela estava, (Gabriel) disse-lhe: 'Alegra-te, cheia de graça, pois o Senhor está no teu seio.'

    "Bendita és tu entre todas as mulheres." (Lc 2, 42)

    "Sim, doravante as gerações todas me chamarão de bem-aventurada." (Lc 2, 48).

    Maria é, no mínimo, mais bem-aventurada do que todas as outras mulheres do mundo. E todos os cristãos, de geração em geração, devem proclamar este fato".

    Você tem proclamado este fato por aí, tem agido de acordo com que ensina a Bíblia? Nós católicos sim.

    Quanto a intercessão dos santos, veja isso:
    "Os quatro viventes e os vinte e quatro anciões se prostraram diante do Cordeiro. Tinha cada um uma cítara e taças de ouro cheias de perfumes, que são as orações dos santos" (Ap 5,8). "A fumaça dos perfumes subiu da mão do anjo com as orações dos santos, diante de Deus." (Ap 8,4).

    Nos versículos acima os santos oram para Deus. Por que estariam orando, já que estão salvos e gozando da presença do Senhor? Oram em nosso favor, para que os que estão na terra também possam um dia estar com eles na presença do Senhor".

    Você pode saber mais sobre este assunto aqui:
    http://www.veritatis.com.br/article/3934

    Maria é santíssima porque fez a vondade de Deus do início ao fim. Ela leva os filhos de Deus de volta a casa do pai e pede obediência ao Seu Filho. Foi graças a ela que me tornei cristã,pois ela me levou de volta a Igreja, ela me ensinou a amar seu Filho. Os Espírito Santo a guiou para que ela fizesse isso. Ela age por vontade Dele. O primeiro milagre de Nosso Senhor fo feito porque ela pediu. Feito antes da hora, mas Ele assim o fez porque ela pediu.

    Que Deus o ilumine e guarde!

    ResponderExcluir
  6. OrleySilva5/25/2008

    Andreia.

    Não sei se você deseja isso, mas se quizer que continuemos este diálogo, poderia entrar em contato via email.o Meu é ormedsilva@oi.com.br. Não sei se o blog é seu e não quero ficar contrandizendo suas palavras, pois sei que seu próprosito não é levantar polêmicas. Todavia refuto biblicamente todos os seus argumentos. vale lembrar que eu já fui católico praticante, sendo catequista e lider de jovens e tenha certeza que sei muito bem o que estou afirmando.Deus em Cristo te abênçoe.

    ResponderExcluir
  7. Orley, nós podemos conversar por aqui mesmo. É meu blog sim.

    O importante é ter em mente que devemos buscar a Verdade, pois é o que nos liberta.

    Que o Senhor Deus o abençoe!

    ResponderExcluir
  8. OrleySilva6/01/2008

    Boa tarde Andréa,

    Obrigado pela sua gentileza em permitir-me falar em seu blog.

    Quanto ao que você afirmou a respeito de Maria e demais santos, quero enfatizar uma coisa. Para mim não existe nenhum outro documento ou autoridade além das escrituras. Podem existir bons livros de autores cristãos, mas em matéria de fé, a Bíblia deve ser a única regra de fé e prática, pois só ela expressa com exatidão os pensamentos de Deus.Não são as interpretações humanas que devem dirigir a nossa fé, pois a bíblia interpreta a própria bíblia.Vamos ao 1º ítem: Maria não é colocada ou adorada como Deusa. Não é preciso eu procurar nenhum documento em que se diga que os católicos adoram Maria, isso é mais do que evidente. No dicionário aurélio venerar significa: 1. Ato ou efeito de venerar; reverência; respeito, admiração, consideração
    2. Devoção, culto, adoração:

    Se Maria fosse apenas respeitada conf. o lº significado, isso implicaria apenas em menção honrosa, mas não é o que acontece, e você mesma certamente se dirige a ela em oração. A ela se fazem cánticos de louvor, pra ela se tem um dia do ano (12/10).As 6 horas da tarde se reza a ave-Maria. Em vários dias do ano se homenageia as várias supostas manifestações de Maria(Fátima,rosário,Guadalupe,Aparecida ,das Dores, etc...)No terço se reza 10 ave-marias e um Pai Nosso, além das salve rainhas.Essa veneração já se tornou um culto, e culto só se presta a A quem acreditamos ser Deus.O assunto não se esgota aqui, mas quero passar ao 2º ítem:Maria é co-redentora ou medianeira:Em caná da Galiléia, Maria se aproxima de Jesus e diz: Eles não tem vinho. Jesus lhe diz:Mulher, o que tenho eu contigo? Ainda que Maria pudesse ter intercedido junto a Ele, e lembre-se que ela estava viva, agora ela já não está em posicão de interceder, pois a bíblia declara que aqueles que morreram em Cristo estão aguardando o dia da Ressurreição(João 6.44)(e essa ainda não chegou),numa posição em que eles não tem contato com esse mundo(Lucas 16.19-31)Os intercessores humanos junto a Cristo somos nós que ainda estamos vivos, pois porque seríamos exortados a orar a Deus em Nome de Jesus, se de fato não somos intercessores? Não existe ninguém mais santo do que Jesus e a intercesseção dele junto ao Pai é mais do que suficiente(Heb.7:25). A biblia me diz que eu tenho livre acesso a Deus, então não é necessario mais nenhum intercessor. Leia hebreus 9 especialmente o vs. 24. Se fosse necessário certamente que a bíblia falaría.E note que a bíblia não manda orar a mais ninguém(João 14.13-14), em todas as páginas do velho ou novo testamento não existe nada parecido.Essa susposta oração que se fazem aos santos ou a Maria para interceder junto a Cristo, tem um nome: Consultar os mortos,(Isaías 8.19) o que é proibido por Deus.A respeito dos versículos que você citou para defender a sua tese,escreverei em outra oportunidade.Pense nisso:Um texto fora do seu contexto é um mero pretesto. O fato da bem aventurança de Maria é o mesmo de todos nós ou seja: Ela recebeu Jesus como seu único salvador e nós precisamos recebê-lo também. Lembre-se que não foi só Maria que foi chamada de bem aventurada, mas todos os que amam a Deus de verdade e seguem aquilo que a bíblia mostra sobre Jesus e a salvação que ele oferece.
    A própria bíblia nos mostra que precisamos obedecer a Deus e sua Palavra, e quem Jesus deixou para nos conduzir-nos a Deus, ama-lo e servi-lo, foi o Espirito Santo, ele sim é outro Consolador que nos revela a DEUS.sAIBA QUE PRA Deus, você, Pedro, Maria,João, eu ou todos nós temos o mesmo valor. Deus te abençoe. Até a próxima...

    ResponderExcluir
  9. Caro Orley, seja bem vindo novamente.

    Bom, as questões que você propõe vão além de Maria. Vamos de início clarear algumas questões.

    Primeiro: autoridade da Bíblia. Responda por favor, quem deu autoridade a Bíblia? Onde está escrito na Bíblia que ela, a Escritura Sagrada, é autoridade única?

    Em lugar algum da Sagrada Escritura se encontra a afirmação de que somente nela está a autoridade.

    Se a Bíblia interpretasse a ela própria não haveria milhares de comunidades protestantes cada qual querendo ter autoridade sobre a interpretação bíblica.

    Segundo, os termos devem ser vistos no original, não em língua portuguesa simplesmente, onde usamos o termo adorar para qualquer coisa, até mesmo para sorvetes. Eu adoro sorvete. Isso quer dizer que eu vejo a guloseima como Deus? Claro que não, né? Deve-se atentar para a diferença dos termos gregos dulia e latria. Dulia significa honrar e latria significa adorar no sentido de culto que se deve a Deus. O culto que se presta aos santos é o de dulia.

    A Escritura Sagrada usa o termo "adorar" em várias acepções, tanto no sentido de dulia como de latria:
    "Tu adorarás o teu Deus" (Mt 4, 10)
    "Abraão, levantando os olhos, viu três varões em pé, junto a ele. Tanto que ele os viu, correu da porta da tenda a recebê-los e prostrando em terra os adorou" (Gn. 18,2).

    Abraão é idólatra? Claro que não. Devemos atentar para o significado e não simplesmente para a palavra.
    Ou seja, não há evidência alguma de adoração a Maria, e sim de hiper-veneração (hiperdulia), porque ela não é somente santa, é santíssima, já que é ela a Mãe do Senhor Jesus Cristo, por isso a veneração é especial.

    E se você quiser comprovar que a Igreja diz algo tem que consultar os documentos, não adianta dizer simplesmente que os católicos fazem isso ou aquilo, até porque tem católico por aí fazendo muita besteira. A Igreja possui leis que devem ser obedecidas pelos fiéis, se eles obedecem ou não a estória é outra.

    Orley, você sabe com oramos o Terço? Oramos meditando a cada dezena em um mistério da encarnação de Nosso Senhor, desde a anunciação do Arcanjo Gabriel até depois da ressurreição com o Pentecostes. O terço mariano é cristocêntrico. Ela pede que meditemos na vida do Filho dela e é isso que fazemos. As Ave-Marias são feitas em agradecimento a Deus e pedindo pela intercessão dela agora e na hora de nossa morte.

    A resposta correta de Jesus a Maria nas Bodas de Caná é: Mulher, isso compete a nós (a mim e a ti)? Minha hora ainda não chegou. 'Quid mihi et tibi est, mulier? Nondum venit hora mea'.

    Não só nós que estamos na carne podemos interceder. A Bíblia é clara ao afirmar que também os anjos podem interceder por nós (Jó 33,23-24 e Zc 1,12). Os que estão no Céu estão descansando das tribulações da Terra, mas continuam a servir a Deus noite e dia sem cessar (Ap 7,13-15) e conversam com Deus clamando por justiça (Ap 6,9-10).

    Na Sagrada Bíblia podemos encontrar passagens que mostram com clareza a intercessão de pessoas falecidas, tais como a intercessão do profeta Jeremias (2Mc 15,11-14) e a do rico, da parábola de Lázaro e o rico, narrada por Jesus (Lc 16,19-31). A intercessão do rico por seus irmãos não foi atendida porque não era da vontade de Deus, mas foi permitida!

    Jesus Cristo ensina que os "santos são como os anjos de Deus no céu" (Mt 22, 30), e Zacarias diz: "que o anjo intercedeu por Jerusalém ao Senhor dos exércitos" (Zc 1, 12 -13).

    Quanto a 1Jo 2,1: "Filhinhos meus, isto vos escrevo para que não pequeis. Mas, se alguém pecar, temos como advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo."

    Observe que a função de advogado junto a Deus exercida por Jesus Cristo não exclui a função de advogado desempenhada pelo Espírito Santo (Jo 14,16). Isto levando em consideração que a palavra Paráclito quer dizer defensor, advogado. Igualmente não exclui a defesa dos anjos (Jó 16,19) e dos santos.

    Portanto, tanto Jesus (Hb 7,25), o Espírito Santo (Rm 8,26-27), os anjos (Jó 33,23-24; Zc 1,12) e os falecidos (2Mc 15,11-14; Lc 16,27-28) podem interceder a Deus pelos homens.

    Quanto a Maria, esta é proclamada bem-aventurada por todas as gerações (Lc 1,48), este tratamento não é dado a todo mundo.

    Que Deus o abençoe e ilumine.

    ResponderExcluir
  10. OrleySilva6/04/2008

    Boa tarde Andréia

    Eu não gostaria de ter que falar a respeito da igreja católica, mas como você falou alguma coisa das comunidades protestantes e suas interpretações difereentes, me é forçosso fazer alguns comentários, não que isso possa alterar alguma coisa, pois não é falando sobre a religião que alcançamos a libertação dos pecados, pois quem pode e liberta o homem é Jesus. As comunidades evangélicas tem muitas divergências em aspectos secundários,mas nós não rezamos pra Maria,ou a um santo,e entendemos que precisamos somente de Jesus, e que nossa oração ao Pai em Nome de Jesus é a regra deixada por ele mesmo. Mesmo dentro do catolicismo tem muitas correntes diferentes, não é verdade? Além disso, tem muitos dogmas que são completamente infundados, tanto que a igreja católica de vez em quando revoga algum deles. Onde está a infalibilidade papal?
    Primeiro, a biblia é a Palavra de Deus, e em matéria de fé só ela pode dizer o que é certo ou errado. A Autoridade da bíblia é dada pelo próprio Deus, pois o que nela está escrito tem se cumprido através da história.Sobre a autoridade da biblia leia:2ºTm.3.16-17. Jesus mesmo nos mandou examinar as escrituras (João5.39-47). Ele como o Filho do Deus Vivo, atestou a autoridade das Escrituras,e enfatizou no verso 47: Mas, se não credes nos seus ecritos (Moisés), como crereis nas minhas palavras?Note que Ele não mandou examinar, dogmas, filosofias, ideologias, religiosidades, etc...Se isso não atesta a autoridade da Bíblia, então Andréia, nada neste mundo tem autoridade alguma.Vc.falou sobre vermos os termos no original. Mas qual original? A vulgata latina não é lingua original das escrituras, sabia? Sobre a passagem que você diz que Abrãao adorou os três anjos, você deve perceber que um daqueles três era o Senhor,e na Bíblia de Jerusalém (uma tradução católica, diga-se de passagem)está escrito que ele se prostrou em terra, não por causa dos outros dois anjos, mas por causa do Senhor .No verso seguinte ele se dirige ao Senhor, e seguindo o racíocinio, após os dois anjos dirigem-se a Sodoma e Gomorra e ele permanece na presença do Senhor.Sobre as bodas, leia na Bíblia de Jerusalém(católica), onde na própria nota de rodapé está escrito:Que há entre mim e ti? É empregado para rejeitar uma intervenção que se julga inoportuna, ou para demonstrar que não se deseja relacionamento algum com ele.Em Mateus 12.46-50, está revelado que pra o Senhor todos os que fazem a vontade de Deus, são irmãos e irmãs e mãe. Não hà distinção nenhuma. Sobre inrtercessão dos mortos eu já mostrei que é errada, pois o rico e lázaro, ambos estvam dolado de lá e não do lado de cá. E o próprio Abraão, disse a ele, que eles tinham Moisés e os profetas (ou seja, as escrituras)e que não se converteriam ainda que um dos mortos ressuscitasse.Não foi atendida, porque os mortos nada podem fazer pelos vivos.Sobre a passagem de 2º Macabeus, esse livro é apócrifo(junto com alguns outros, 7 no total), não fazendo parte do cânon das sagradas escrituras, nem para os judeus, nem para os cristãos primitivos e nem para os evangélicos.Pois o que nessa passagem está escrito contraria o que a biblia fala.
    Mt. 22.30. Santos aqui, fala de todos os que servem a Deus e a passagem está enfatizando algo que ainda vai acontecer quando formos ressuscitados.E é como vc. falou: Serão todos iguais aos anjos. Mesmo que Maria, ou alguma outra pessoa estivesse já no estado glorificado seriam iguais aos anjos. Entendeu?
    Zc. 1,12-13 Aqui o Anjo em letra maiúscula é o próprio Jesus, antes de sua encarnação(chamada de teofania), e segundo a própria biblia de jerusalém(católica)homens e anjos só podem ter acesso a Deus por meio Dele, o que está de pleno acordo com as palavras de Jesus que diz:Eu sou o caminho, a verdade e a vida e ninguém vem ao Pai a não ser por meio de mim. Jesus é ele mesmo o pastor, e porta das ovelhas, o caminho que leva a Deus.Só Ele.
    O Espirito Santo é o agente Divino na terra, que executa a Palavra de Deus e que nos eleva à presença do Pai, através de Jesus Cristo. Se além de Cristo junto ao Pai e o Espirito Santo na terra precisamos de mais intercessores, então ambos não são lá muito bons intercessores.(isso se for seguir o seu raciocinio)Pra mim Jesus é mais do que suficiente salvador e intercessor e advogado e mediador e consolador.Nele eu tenho toda a provissão de que preciso. A Obra de Deus é completa, Ele não faz nada pela metade.Além disso, você se esquece, que somente Deus é Onipotente, Onisciente e Onipresente. Se você ora pra um santo e mais 1000 pessoas oram pra ele no mesmo momento, e ele é capaz de ouvir a todos, então ele ou ela adquiriram esses três atributos, que nós sabemos pertencer unicamente a Deus, mas Deus não divide a sua Glória com ninguém. Nem mesmo os anjos ou os demônios podem estar eles mesmos em vários lugares ao mesmo tempo ou ouvir muitas pessoas ao mesmo tempo. O que te leva a crer que com as pessoas falecidas as coisas seriam diferentes? As pessoas que morreram com Cristo estão no paraíso aguardando a ressurreição e não tem contato com ninguém do lado de cá, e igualmente os perdidos não tem contato com este mundo.Esse negócio de invocar os mortos pedindo dádivas é espiritismo disfarçado. Maria é bem aventurada por que aceitou o plano de Deus, e Jesus chama de bem aventurados todos os que fazem a mesma coisa (Leia o sermão da montanha). Eu já raciocinei como você, mas Jesus me mostrou que as coisas são bem diferentes. Ore a Jesus e peça a Ele pra te revelar a verdade como ela é e você verá que a verdade é o que está nas sagradas escrituras.Leia 1ºPedro 4.3-4.e que o Espirito Santo fale profundamente em seu coração. Deus te abençoe e ilumine.

    ResponderExcluir
  11. Orley, bom dia!

    Peço perdão pela demora da resposta, mas só tive tempo de postar hoje. Vou responder pontualmente e de maneira breve suas objeções.

    As muitas correntes diferentes dentro do catolicismo é um fenômeno que não pode ser comparado com as comunidades protestantes, que apresentam divergências em vários aspectos, muito acentuadas causando mais e mais separações (os protestanets vivem se dividindo devido às interpretações que fazem da Bíblia. Na Igreja há comunidadees com vocações diferentes (franciscanos, dominicanos, beneditinos...) e há também correntes de idéias, mas o que não estiver de acordo com a Sã Doutrina, não é realmente católico, mesmo que seja professado por padres e outros membros da Igreja.

    Todo dogma é fundamentado na Revelaçao Divina, Orley.

    É claro que estes trechos atestam autoridade. Mas você continua sem dizer onde está escrito que é a única autoridade. Em primeiro lugar não havia Novo Testamento no início do Cirstianismo, e a tradição cristã era passada oralmente, então as Escrituras mencionadas são as mesmas que hoje compõem o A. T., e não o N. T. Em segundo lugar, é certo que a Bíblia encerra os ensinamentos que levam a Deus, mas e a interpretação das palavras? Ou você acha que está tudo bem mastigadinho nela? Esta autoridade foi dada a Pedro e a seus sucessores (Mt 16, 18-19) e Jô 21,15-17. E tem mais: “Agora me alegro nos sofrimentos suportados por vós. O que falta às tribulações de Cristo, completo na minha carne, por seu corpo que é a Igreja” (Col 1,24). Ele é a Cabeça do corpo, da Igreja (Col 1,18).

    Sobre as Escrituras e a Vulgata:
    Mas ela foi escrita a partir de que idioma? Leia este estudo com base na Vulgata para facilitar a compreensão: http://www.veritatis.com.br/article/803 e este outro: http://www.lepanto.com.br/ApSantos.html Aproveite este último para a questão da intersessão do santos.

    Sobre a Bíblia de Jerusalém: aqui ela certamente se baseou na tradução utilizada, a qual diz que Abraão se “prostrando em terra OS adorou”, ou seja, não adorou apenas ao Senhor. Porém, por mais que isto venha a divergir em outras traduções, só vem complicar mais as coisas para o lado da Sola Scriptura, já que as divergências textuais, se somadas as tantas passagens com frases contraditórias, vira uma bagunça.

    Sobre as Bodas de Caná: aqui você não se decide. Como fica a Sola Scriptura? E como as alternativas eliminariam a interseção de Maria? Não eliminam. Por mais que inicialmente ele pareça rejeitar, observe que depois ele cede por causa dela. Ela nem mesmo espera resposta e já manda que façam os preparativos. Está lá escrito na Bíblia. Ele ouve o rogo de Sua mãe e acede ao pedido dela. É simples.

    Na passagem de São Mateus 12.46-50 só fica evidenciada a beleza do papel de Maria, pois ela fez a vontade do Senhor do início ao fim. Ela além de ser mãe de Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo, é também família dele pois faz a vontade do Pai. Um verdadeiro exemplo de boa conduta e fé.

    Orley, sobre a intercessão novamente, há várias passagens na Bíblia que atestam esta prática. E se os mortos nada podem fazer pelos vivos como então você explica I Sm 28, 15? Não é Samuel que fala com Saul?!? Admoestações e profecias não são nada?!? Deus permite sim que se façam algumas comunicações, mas devem ser naturais, e não consultas aos mortos (necromancia). E atende a intercessão sim.
    Sobre isso leia com atenção este artigos, pois há muita coisa que não daria para ser postada aqui por falta de espaço. Leia e se quiser escreva para o pessoal deste apostolado para tirar suas dúvidas:
    http://www.veritatis.com.br/article/1909
    http://www.veritatis.com.br/article/3934

    Meu caro, o livro de Macabeus só é apócrifo para os judeus (que não aceitam Cristo) e para vocês protestantes. Vocês determinaram isso, e não o catolicismo. E tente responder isto: ”Se só a Bíblia contém a verdade revelada, onde, na Bíblia, está relacionado o cânon bíblico”? E já que você gosta de Sola Scriptura, o que acha desta passagem em Apocalipse 22,19: “Se alguém cortar qualquer das palavras do livro desta profecia, Deus lhe cortará sua parte do livro da vida e da cidade santa, e do que está escrito neste livro”. Nem Lutero nem os judeus tem o direito de mutilar a Bíblia. Saiba disso e se quiser entender melhor leia: http://www.lepanto.com.br/Perg26-7-99.html e http://www.montfort.org.br/index.php?secao=cartas&subsecao=apologetica&artigo=20041006144607&lang=bra

    Realmente o espaço é curto, não posso postar muita coisa. Mas se você tiver interesse em saber o que diz a Igreja, e o que eu penso a respeito, leia o que indiquei.

    Sobre Mt. 22.30 e o santos: Ele diz que santos são como os anjos no céu, e isto está destacando exatamente esta passagem como exemplo, independente do caráter temporal. O que define os limites da comparação?

    Que critério você utiliza para dizer que o anjo do senhor (não está em maiúsculo na vulgata) em Zacarias é Jesus? Este não era anjo, mas o próprio senhor. Por que a palavra utilizada então não foi, por exemplo, cordeiro? Não há critério nenhum.

    O Pai e Jesus, que são um só junto com o Espírito Santo, não fazem intersessão. Para alguém interceder, é preciso que esteja entre dois pontos. Se Deus decidiu que poderia haver intersessão, isto é uma escolha Dele. Não compete a mim ou a você julgar isso.

    Realmente meu tempo é curto e este espaço também, por isso não pude responder tudo o que queria, mas deixei links que levam a respostas satisfatórias e verdadeiras. Se você tiver interesse nisso vá lá e comprove.

    Que Deus o abençoe e ilumine.

    ResponderExcluir
  12. Continuando:

    Mas veja, você poderá simplificar as suas respostas respondendo às seguintes perguntas:

    1- onde está indicado na Bíblia quem deve interpreta-la de modo correto?
    2- onde está indicado na Bíblia quais livros devem compor a mesma?
    3- onde está idicado que apenas a Bíblia autoridade?
    4- o que vocês entendem em Mt16,18-19?

    E ao tentar responder, pense o seguinte: qualquer tentativa de determinação que não venha da própria Bíblia, fará com que você abandone à Sola Scriptura.

    Fique com Deus!

    ResponderExcluir
  13. Exodo:20:04 1 ENTÃO falou Deus todas estas palavras, dizendo:
    2 Eu sou o SENHOR teu Deus, que te tirei da terra do Egito, da casa da servidão.
    3 Não terás outros deuses diante de mim.
    4 Não farás para ti imagem de escultura, nem alguma semelhança do que há em cima nos céus, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra.
    5 Não te encurvarás a elas nem as servirás; porque eu, o SENHOR teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniqüidade dos pais nos filhos, até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.

    Tem Mais
    Eu sou o SENHOR, este é o meu nome; a minha glória, pois, não a darei a outro, nem a minha honra, às imagens de escultura." Isaías 42:08.
    Mais "Esses que carregam as suas imagens de madeira são ignorantes: dirigem suas preces a um deus que não é capaz de salvar." Isaías 45:20
    Mais
    Os ídolos são como um espantalho em pepinal e não podem falar; necessitam de quem os leve, porquanto não podem andar." Jeremias 10:05. Ta Vendo Por Que Os Protestantes nao a dorão images de escultura

    ResponderExcluir
  14. Mario, claramente você não leu nada das respostas, não prestou atenção em nada só quis comentar no seu afã de tentar provar suas heresias. Seja honesto e humilde, busque a Deus em primeiro lugar e não aos pastores desonestros que só contam parte da história a voce. Está mais do que provado que os primeiros protestantes honravam Maria e se os protestantes de hoje não fazem o mesmo pior para eles!

    Vocês transformam a Bíblia em ídolos e depois falam da Igreja. Vá primeiro tirar a trave do seu olho!

    Que Deus tenha piedade de sua alma e que faça você enxergar o respeito que se deve a Mãe do Senhor, largar suas heresias e se converter a única Igreja fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo: a Igreja Católica!

    ResponderExcluir
  15. Eduardo Araújo5/31/2010

    "Vocês transformam a Bíblia em ídolos e depois falam da Igreja. Vá primeiro tirar a trave do seu olho!"

    GRANDE observação, caríssima Andrea!

    Note que a idolatria protestante na imbecil heresia da sola scriptura supera muitíssimo qualquer paralelo que se ouse engendrar com a VENERAÇÃO que nós católicos temos pelos santos.

    Aliás, o sr. "mario", como todo "bom" protestante, apela para um sofisma ridículo, sempre que trazem essas citações das esculturas: primeiro, antes de tudo, presumem, numa CÍNICA pré-determinação, que os santos da Igreja são adorados pelos católicos como se fossem deuses; daí, suas imagens, seriam imagens de deuses no sentido da prescrição bíblica. Pronto: agora é so criticar os católicos, que "adoram deuses".

    Não há nada que se compare com a famigerada idolatria da sola scriptura. Eis o deus, de fato, dos protestantes: a Bíblia.

    ResponderExcluir
  16. Pois é, Eduardo, chega a cansa ver tanta falta de vontade de buscar a verdade, tanta desonestidade e tanta falta de saber ler! É incrível!

    ResponderExcluir

Antes de fazer seu comentário: ele deve ser relacionado ao post, e feito respeitosamente. Reservo-me o direito de não publicar comentários que julgue desnecessários ou desrespeitosos. Os comentários não expressam a minha opinião e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.