terça-feira, maio 26, 2009

O teto abre

vida


O teto abre deixando à mostra as estrelas distantes. Mundos que começam e terminam num piscar de olhos ou num movimento de respiração.

Seres que lutam procurando sobreviver numa ânsia tremenda, sem nem mesmo saber para onde estão indo, onde estão vivendo, o que estão a fazer.

As estrelas brilham, coloridas umas, prateadas outras. O teto vai fechando, a escuridão vai cobrindo tudo. E eu só penso em dormir.

2 comentários:

  1. Humm,isto é bom ou ruim??

    :)

    Beijos!!

    ResponderExcluir
  2. É bom observar o céu, pensar no Universo, nas estrelas, nas pessoas, na vida... ;)

    Beijos!

    ResponderExcluir

Antes de fazer seu comentário: ele deve ser relacionado ao post, e feito respeitosamente. Reservo-me o direito de não publicar comentários que julgue desnecessários ou desrespeitosos. Os comentários não expressam a minha opinião e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.