sexta-feira, junho 04, 2010

A incompatibilidade entre o Catolicismo e o Espiritismo:

vida
Porque tantas pessoas hoje dão ouvidos às pseudo-doutrinas espíritas?

São Paulo Apóstolo responde:

“O Espírito diz expressamente que, nos tempos vindouros, alguns hão de apostatar da fé, dando ouvidos a espíritos embusteiros e a doutrinas diabólicas” (1º Tim. 4,1)

“Porque virá tempo em que os homens já não suportarão a sã doutrina da salvação. Levados pelas próprias paixões e pelo prurido de escutar novidades, ajustarão mestres para si.” (2º Tim. 4,3)

Mas, ainda que alguém – nós ou um anjo baixado do céu – vos anunciasse um evangelho diferente do que vos temos anunciado, que ele seja anátema.” (Gal. 1,8)
Como é que católicos se metem a freqüentar centros espíritas, a assistir novelas de cunho espírita (dando dinheiro para que sejam ditas mentiras que podem perder almas), e a achar que certos nomes do espiritismo são louváveis? Por certo estes católicos não conhecem estas passagens de duas obras espíritas de renome – uma de Leon Denis, grande nome do espiritismo e outra do próprio codificador da doutrina espírita, Alan Kardec:

“Chegará a ocasião em que o catolicismo, seus dogmas e práticas não serão mais do que vagas reminiscências quase apagadas da memória dos homens, como o são para nós os paganismos romanos e escandinavos.” (Leon Denis. Depois da morte. p.80).

“Cumpre nos façamos compreensíveis. Se alguém tem uma convicção bem firmada sobre uma doutrina, ainda que falsa, necessário é que lhe tiremos essa convicção, mas pouco a pouco. Por isso é que muitas vezes nos servimos de seus termos e aparentamos abundar nas suas idéias: é para que não fique de súbito ofuscado e não deixe de se instruir conosco.” (Allan Kardec, Livro dos Médiuns, FEB, 62a. edição, 2a. parte, Cap. XXVII no.301 pp.399-400).

Vejam que eles mesmos dizem que o catolicismo será destruído, quando o próprio Senhor disse que contra a Igreja “as portas do inferno não prevalecerão”. Em quem vocês, católicos metidos a espíritas, preferem acreditar? O Evangelho é verdadeiro, logo o que o contradiz é mentira e sabemos muito bem que é o pai da mentira...

Vejam também a mentalidade ardilosa do Sr. Kardec que ensina a fingir, a ter uma linguagem falsa para atrair os não espíritas às suas fileiras! Em vez de dizerem logo aquilo que são e no que crêem, eles se fazem de cristãos, para melhor enganar! E isso é ensinado pelo próprio codificador da doutrina! Linguagem dúbia, própria de quem tem língua bífida como a da serpente!

Que os católicos acordem e deixem de dar ouvidos às mentiras do espiritismo e que os espíritas abram os olhos também e se deixem tocar pelo Espírito Santo de Deus! Eu também fui espírita e hoje, com a graça de Deus estou aqui, na esperança de ir para o Céu, viajando na Barca de Pedro que é a Santa Igreja Católica.

Quem tiver olhos de ver, que veja!
___________

Recomendo a leitura de dois posts de Jorge Ferraz sobre a incompatibilidade entre o Catolicismo e o Espiritismo:


Kardec e Talião

Sobre Espiritismo e Catolicismo


34 comentários:

  1. Anônimo1/18/2011

    Olá,sinceramente,não concordo com vc.O espiritismo não é uma religião ruim,de forma alguma.É uma religião que prega a fé,a espiritualidade.E se a Igreja Católica um dia irá acabar,bem,isso é fato,pq,é so olharmos o passado de tal instituição religiosa.Na idade média,mantinha-se do lado do rei,na era dos escravos,condenava qualquer coisa q fosse diferente(isso tbm na idade média).Credio que Deus,não deixaria que uma instituição que cometeu tais atos saisse impune.Ou ela evoluiria,ou acabaria.Como não evoluiu,acabará.Até...

    ResponderExcluir
  2. Seria muito bom se você se informasse melhor sobre o Espiritismo. A Igreja não irá acabar nunca, porque Nosso Senhor Jesus Cristo prometeu que ela não acabaria "as portas do Inferno não prevalecerão".

    Informe-se também sobre a Igreja Católica e a Idade Média. Não existia escravidao no período medieval, não na civilização cristã. Busque ler livros sérios sobre o assunto.Recomendo para começar os livros da hisoriadora Regine Pernoud. Outro bom autor é Daniel-Rops.

    Busque a Verdade. Sempre!

    Que Deus te ilumine!

    ResponderExcluir
  3. Anônimo1/19/2011

    Olá,sei bastante sobre o espiritismo,e sei q ele prega a fé e a caridade como bens maiores.Eu sei q na Idade Média nao existiam os escravos,mas,a igreja condenava qualquer coisa q saisse fora de seus padrões(Daí as queimas das "bruxas").A igreja diz,por ex,do uso de saias pelas mulheres.Joana d'Arc por ex,se vestiu de homem e foi lutar na guerra,e no fim,acabou convertida em santa.A igreja Católica ficou desgastada durante os anos,graças a ganancia e a corrupção.E a igreja pode não acabar,mas evoluir.E a igreja nao acabaria,pq,de todo modo,se por ex,a igreja catolica acabasse,o culto a Jesus ainda seria efetuado de forma certa,por outras religiões.As palavras q estão na Bíblia podemos nunca saber o q realmente significam,pq há muito mistério e a linguagem não facilita.Pq os evangelicos atacam tanto a Umbanda e o camdonblé?Pq é a unica religiao q tem "pose" para desafia-los.O mesmo acontece com os catolicos em relação ao espiritismo.O mundo evolui e as pessoas tbm.Obrigado por responder o comentario^^Até...

    ResponderExcluir
  4. Prezado, em primeiro lugar este post é dirigido aos católicos. É para aqueles irmãos que estão confusos e prestes a cair no erro do espiritismo. Não escrevi para espíritas.

    Mas, de coração, eu compreendo você. Então vou tentar responder aos seus questionamentos.

    A “caridade” que o espiritismo prega é a filantropia, não é a caridade como conhecida no Cristianismo: o amor ao próximo e a Deus em primeiro lugar. Só pode ser amor a Deus se esse Deus é o que conhecemos pela Revelação. Os espíritas não crêem neste Deus, são deístas, é diferente. Por isso usam termos como fé e caridade com conotações diferentes das usadas pelos cristãos.

    Não, a igreja não condenava qualquer coisa que saísse de seus padrões. Isso nunca existiu. Procure ler autores sérios, procure historiadores de verdade e você verá que isso que você aprendeu é falso. Eu também pensava assim, mas aprendi que muito do que eu tinha aprendido antes era mentira. Se você tem amor a verdade, então busque de coração. Recomendo a leitura do livro “A Inquisição em seu mundo”, de João Bernardino Gonzaga, um professor brasileiro da área jurídica. Você vai aprender muito, garanto. Pode baixá-lo aqui:
    http://www.saopiov.org/2009/08/inquisicao-em-seu-mundo-prof-joao_16.html

    Sobre Joana D’Arc, leia Regine Pernoud, historiadora medievalista francesa especializada em Joana D’Arc. Ela não foi julgada pela Inquisição e sim julgada em um falso tribunal montado pelo Bispo Couchon que tinha interesses próprios e se uniu aos ingleses para trair sua pátria, usando a santa que terminou queimada injustamente. Quando os verdadeiros inquisidores, as autoridades da Igreja sobre o assunto, foram informadas já era tarde, já tinham queimado a santa. Ela não foi convertida em santa, ela é santa e a Igreja reconhece isso.
    (continua)

    ResponderExcluir
  5. (continuação)

    Corrupção e ganância: erros que todos os seres humanos podem cair. Tivemos (e temos) na Igreja gente boa e gente ruim. Claro, somos seres humanos! Mas mesmo assim, com tanta gente atrapalhando, tanto do lado de dentro da Igreja quanto do lado de fora, ela continua de pé há mais de dois mil anos! Não existe instituição na face da Terra que tenha durado tanto e principalmente com tanta oposição. Mais uma prova de que a Igreja é guiada pelo Espírito Santo. Se não fosse isso já não existiria mais, provavelmente.
    Sua idéia de evolução é baseada no progressismo que prega que tudo “evolui” ou seja muda em sua natureza para melhor. Mas é ideologia, não é pautado na realidade. Busque refletir sobre o ser humano: continua o mesmo, desde o início: cheio de ganância, orgulho, luxúria, maldade. O que mudou foi a tecnologia. Quando os homens melhoraram foi por causa do que Deus revelou. Mas sem a religião, o homem fica refém de sua natureza decaída e erra muito mais. Não há evolução nesse sentido que os progressistas pregam. Isso é pura ilusão.
    O culto correto é o feito pela Igreja Católica que repete há mais de dois mil anos aquilo que Nosso Senhor mesmo ensinou aos apóstolos e estes repassaram aos seus discípulos que por sua vez foram guiando os fiéis. Nosso Senhor ensinou na Ultima Ceia como deveria ser feito o culto verdadeiro e somente a Igreja Católica faz isso. Ele fundou a Igreja: “Pedro tu és pedra e sobre esta pedra construirei a minha Igreja e as portas do inferno não prevalecerão” (citei de cabeça, não lembro da referência dessa passagem). Veja que para crer em Jesus Cristo há de se crer em Suas palavras: se Ele disse que ficaria conosco até o fim dos tempos (falava aos cristãos) e que a Igreja não seria vencida, então temos que crer nisso. Se crermos que a Igreja será destruída ou que outras religiões poderiam fazer um culto melhor, então Jesus não teria dito a verdade, o que é um absurdo para um cristão crer! Ele deu as chaves a Pedro e aos apóstolos, instruiu-os e no Pentecostes enviou o Espírito Santo, o Paráclito, o Consolador, para cumprir a promessa que tinha feito de que eles saberiam na hora certa as coisas que Ele não poderia ensinar naquele momento. Pediu que os discípulos esperassem e então veio o pentecostes. Daí o Espírito Santo deu o conhecimento que faltava a estes discípulos para que eles seguissem em frente guiando a Igreja.

    Para saber o que há na Bíblia precisamos que haja gente que nos explique. Por isso Nosso Senhor instruiu os apóstolos: para eles ensinassem a nós simples fiéis. Quem faz isso na Igreja desde o início? Os santos e o Magistério da Igreja. São eles que nos ensinam, desde o começo, o que significam as palavras da Escritura. Há uma passagem da Bíblia onde alguém está com as Escrituras em mãos, mas não as entende, então um apostolo sentou ao seu lado e explica. Esta passagem mostra que realmente não podemos compreender as Escrituras sozinhos. Precisamos dos santos, dos doutores autorizados na Igreja para nos ensinar.

    Nós católicos não atacamos o Espiritismo, nós defendemos a Fé e sabemos que o Espiritismo engana as pessoas afastando-as da verdadeira Fé, prometendo coisas que Deus nunca prometeu. Sabemos que os espíritas muitas vezes são pessoas que podem até ter boas intenções e julgam ter achado a verdade. Mas estão enganados. Não queremos atacar, mas prevenir que os católicos caiam no erro. Sei que você não aceita isso, eu entendo porque já fui assim também. Já fui espírita e espiritualista. Mas as coisas mudam, e brincando um pouco com o termo “evolução”, eu creio que “evoluí”...rsrsrs...ou seja, cresci um pouco pois aprendi sobre as coisas de Deus e pude ver a falsidade onde estava metida. O Espiritismo não diz a verdade. Busque-a e você achará!

    Leia:

    http://falhasespiritismo.6te.net/
    http://obraspsicografadas.haaan.com/
    http://www.saopiov.org/2009/06/espiritismo-orientacoes-para-os.html

    Oro por você! Que Deus te abençoe e Nossa Senhora te proteja.

    ResponderExcluir
  6. Anônimo1/25/2011

    Olá, Andreia Patricia.

    Já fui Católica, hj sou formada em História,não tenho religião alguma, porém a aréa que mais me atrai na história é a religião.

    Infelizmente a igreja católica cometeu atrocidades sim.

    A humanidade vem evoluindo sim desde a pré-história.

    Veja os periodos pré- históricos e históricos:

    periodo paleolítico (idade da pedra lascada);
    periodo neolítico(idade da pedra polida);
    idade dos metais;
    idade antiga;
    idade media;
    idade moderna;
    comteporaneo.

    pré-história, como vc sabe vem antes da escrita, então existi sim evolução.

    em relação as religiões não deve atacar.Os católicos e os espirítas são filhos do mesmo Deus.

    Deus te abençoe vc está fazendo um
    trabalho muito bonito mas não tem necessidade de sair ofendendo as outras religiões e filosofias.

    Beijos, que Deus e a Virgem te ilumine.

    ResponderExcluir
  7. Cara anonima, a Igreja não cometeu atrocidade alguma. Por favor, estude história com bons historiadores e não as propagandas criadas pelo protestantismo. Busque a verdade de coração e você vai encontrar. Digo isso de coração mesmo.

    E essa idéia evolucionista é pura falácia. Os homens continuam os mesmos, ninguem evoluiu, continuamos maus e bons, pecadores e santos. Sempre foi assim.

    Não ataco religião alguma, eu busco a verdade e se eu digo que o espiritsmo é falso isso não é ataque é constatação de um fato.

    É interessante como os que atacam a Igreja podem fazer isso sem problemas, sem fontes confiáveis até, mas quando nós da Igreja fazemos uma crítica somos logo acusados de estarmos atacando... São dois pesos e duas medidas? ;)

    Que Deus te abençoe!

    ResponderExcluir
  8. Anônimo1/26/2011

    oi, muito obrigada por ter postado meu comentario.

    Em nenhum momento quis criticar vc, viu?

    Eu sou recem formada e estou aqui pra aprender.

    adoro ver o seu blog.

    beijo no coração.

    Que os anjos te ilumine.

    ResponderExcluir
  9. Sem problemas ;)

    beijo para você também.

    Deus te abençoe!

    ResponderExcluir
  10. jdmds096/15/2011

    Bem, sou católico e acredito em minha religião, a única que prega os mesmos ensinamentos há mais de 2000 anos(mas nossa história começa nos primórdios da Bíblia).Mesmo que tenhamos mudados nossas práticas de pregação, ainda mantemos nossa verdade, a verdade de Jesus Cristo, de Nossa Senhora e do bom Deus.

    No entanto, acredito que a união das diferenças e confraternização dos povos culminado em paz e harmonia seja o que nosso Senhor mais deseja ultimamente.
    Pra ser sincero, compartilho boas amizades e conversas com alguns espíritas (eles respeitam muito o Catolicismo, e alguns até rezam a Ave Maria).

    É claro que outras culturas, perante nossa doutrina serão consideradas falsas, mas nem por isso devem ser "mal tratadas".Respeito acima de tudo!

    Em se tratando de aspectos históricos e culturais, acredito que aqueles que tem a audácia de trocar a religião católica por qualquer outra seita, ou variante da doutrina cristã é no mínimo FRACO.
    FRACO porque com certeza ia as missas poucas vezes, FRACO porque provavelmente não prestava atenção no que o padre estava falando e FRACO porque não seguiu o caminho da Igreja e falhou, acreditando,por conveniência, que o Catolicismo é uma piada.

    ResponderExcluir
  11. Prezado, Nosso Senhor é A Verdade, portanto Ele não pode querer a união com o erro. Devemos alertar aqueles que estão prestes a cair no abismo. Essa é uma grande caridade que agrada a Deus. Não adianta andar de mãos dadas com quem está no erro e ficar de olhos fechados para o fato que essas almas estão em grande perigo de danação eterna. Temos que fazer a nossa parte e alertar os que vivem iludidos pelas seitas e falsas religiões.

    Muitas almas estão se perdendo e os catõlicos devem estar unidos somente pela Verdade, por amor a Deus e ao próximo.

    A Paz!

    ResponderExcluir
  12. Anônimo8/10/2011

    Quando usamos uma receita de bolo e não dá certo. Repetismo a experiência?
    Senão vejamos:
    Os católicos (como eu fui até os 34 anos), acreditam nas mesmas coisas que os protestantes. Por que duelam tanto?
    Acreditar, por exemplo, que exista diabo e inferno, diante da obra monumental do criador "O Universo". Acreditar que possa existir algo, alguém ou força suficiente para contrapor esse inteligência soberana e suprema é algo pueril.
    A crendice no demônio é uma aberração teológica.
    Haja visto que todos os Papas, por exemplo, morreram com doenças iguais aos mortais. Nós!
    A vida é uma experiência, um laboratório também para observações.
    Sem a encarnação, para a grande maioría dos terráqueos (93%) não há lógica navida.
    Na Pátria Espiritual não somos nada, não temos religião e sim, toda a existência repassada.
    Tanto que Kardec publica inúmeras comunicações de Bispos por sua contribuição. Os espíritos desencarnados intitulando-se Bispos, constataram que nada são.
    Abraço fraterno.

    ResponderExcluir
  13. Olá Andrea,

    Sou católica, tenho fé convicta na palavra de Deus, e somente. Ontem estive conversando com um amigo espirita, e ele me contou sobre sua visão sobre o espiritismo, como você narrou em algum post, os espiritas podem até ter boas intensões, mas, não conhecem a verdade. A verdade e a vida é Jesus! Meu amigo acredita que existe reencarnação e inclusive mundos ou planos espirituais, onde inclusive, segundo ele, as pessoas vivem como humanos matéria. Comem, dormem etc. Para tanto eles distorcem essa passagem:
    "Aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus.Perguntou Nicodemos: Mestre como pode um homem nascer sendo velho? Por ventura poderá entrar novamente no ventre de sua mãe e nascer?
    Então lhe disse Jesus: Em verdade, em verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode entrar no reino de Deus. O que é nascido da carne é carne, o que é nascido do Espírito é Espírito. Não te maravilhes de ter dito, necessário vos é nascer de novo." (João 3- 3,7) Jesus deixa claro que para encontrar o reino de Deus é preciso nascer do espirito, e não da carne. É preciso receber o Espirito Santo encontrar nesta vida a verdade. Em Lucas 23:32-43 é contada a história de Jesus e dois ladrões na cruz. Um destes ladrões mostrou uma atitude íntegra para com Jesus e lhe pediu uma bênção futura. “Em verdade te digo que hoje estarás comigo no paraíso” foi a resposta que Jesus lhe deu. E não "Você terá uma nova oportunidade para evoluir". O ladrão foi perdoado em vida! Os espiritas se confundem, pregam a palavra de Jesus, mas não acreditam que ele é o filho de Deus, não o veem como DEUS FILHO, mas como um espirito evoluído. Chega a ser ofensivo falar assim do cristo.Eu não duvido de nada, seria muita ignorância minha. Respeito a memoria do Chico Xavier, ele era especial, era bom e generoso, jamais duvidaria que ele era instrumento de Deus no mundo. Mas, Na minha humilde opinião, devemos viver o que nos foi confiado, se existe mistérios de Deus não cabe a mim querer desvenda-los, serão desvenda-dos no momento oportuno. Façamos o que Jesus nos pediu, e só. Estamos neste mundo, então que o vivamos de uma forma que agrade a Deus. "Deixa que os mortos enterrem os seus mortos, e tu vai e anuncia o Reino de Deus" (Lucas, IX: 59-60).

    ResponderExcluir
  14. Caro Anônimo,
    percebeu o que disse?
    "A crendice no demônio é uma aberração teológica." Que prova você tem que existe reencarnação? a probabilidade dos espiritas manterem contato com os "desencarnados" é a mesma do que a existência do Demônio!
    Ou seja, nenhuma prova cientifica, o problema da Doutrina Espirita é que querem ser Ciência e não religião. Mas as crenças não permitem isso. Ciência é baseada em provas concretas e possíveis! Ciência é provar, Fé é crer!

    ResponderExcluir
  15. Catarina8/19/2011

    Também gostaria de deixar minha passagem aqui. Meu avô era espírita e foi esta religião que busquei quando este faleceu, na tentativa de comunicação com ele. Andei, andei e não conseguia crer na doutrina espírita: sucessivas voltas à terra para pagamento de dívidas em outras vidas; uso de evangelhos ditados por espíritos e subsidiariedade da Bíblia. Reencontrei, assim, o catolicismo, através de um maravilhoso padre, que ensina, de forma didática, o sentido da liturgia e incentiva a leitura bíblica. Considero, assim, que a religião, assim como o Direito, deve evoluir com o passar dos tempos e mudança natural da sociedade. Isso é evidente. Deus prometeu escrever em parábolas e dessa forma, os padres estudam para nos ajudar a interpretar a oratória de Jesus, daí o perigo das interpretações levianas e interesseiras. Amparando ainda, nas sagradas escrituras, aprendemos a não discriminar os adeptos de outras religoes, como quando Jesus curava pagãos. O que nos move é a caridade e o amor ao próximo que ela traz, seja qual for o a religião do próximo. Isso é o amor cristão. Falta à maioria do católicos a leitura da Bíblia, a frequência à missa para oitiva da palavra e nao por obrigacao social e finalmente, o atendimento da palavra em nossas boas obras, que é nossa forma de receber as benções pedidas em oração. Não adiantar rezar, se ainda nao somos merecedores, se continuamos pecando. Pela restauração e fortalecimento do catolicismo. Paz de Cristo a todos nós.

    ResponderExcluir
  16. Rafael.S8/20/2011

    Anônima historiadora,

    É inegável que tenha havido algum tipo de progressão na humanidade. No tocante à moral, porém, observam-se progressões e regressões. Por exemplo: respectivamente nos períodos de construção e destruição das grandes civilizações. Não podemos assim falar em uma única linha de progressão. Os últimos quatro séculos mesmo são marcados pelo contraste entre o desenvolvimento científico e tecnológico, e a decadência moral e intelectual.

    Quanto às supostas “atrocidades da Igreja”, procure se inteirar sobre os especialistas franceses em História Medieval do último século, como a que a Andrea indicou. As atrocidades cometidas (uma minoria em relação àquelas que hoje são falsamente atribuídas aos católicos) em geral iam de encontro às recomendações papais, e os erros mais chamativos cometidos por alguns poucos papas se deram por desobediência à doutrina.

    Espero que aproveite sua formação para retornar à religião e às práticas sacramentais, reingressando na boa jornada de seu espírito, que de outro modo tenderá a se aprisionar em uma sucessão de eventos e sensações efêmeras. :)

    Pax

    ResponderExcluir
  17. Rafael.S8/20/2011

    Anônimo,

    1- Entre os católicos e os protestantes há divergências gritantes, a começar pela aceitação da Tradição por parte daqueles e sua negação por parte destes.

    2- Nenhum bom católico acredita que o demônio tenha “força suficiente para contrapor” a Deus sem o Seu consentimento.

    3- Nenhum bom católico acredita que todos os papas não tenham sido tão humanos como nós. E ora, isto nada tem a ver com a sua acusação de que a crença no demônio seja “uma aberração teológica”, que permanece injustificada.

    Até aqui você não oferece uma mínima evidência de que tenha sido um católico, sequer, mediano.

    4- A doutrina da reencarnação progressista, esta sim, é que não possui boa relação com a lógica. Tente explicar, por exemplo, como se deu a primeira agressão a um ser humano por parte de outro, haja visto aquele se tratar de um ente simples e ignorante que até então não havia agredido ninguém.

    Que Nosso Senhor o ilumine

    ResponderExcluir
  18. Rafael.S8/20/2011

    Prezada Catarina,
    Devemos rezar sempre, ainda que não nos consideremos dignos das promessas de Cristo.

    ---------

    Prezada Alana,
    Chico Xavier era uma pessoa confusa e propagou inúmeros erros históricos, metafísicos e, claro, teológicos. Entre neste site (de um espírita, vale dizer) e confira: http://obraspsicografadas.haaan.com/
    De suas intenções, pouco eu teria a dizer, pois delas só Deus sabe. No entanto, engana-se todo aquele que atribui à sua rejeição ao dinheiro uma prova definitiva de integridade moral. Ora, sabemos que a vaidade, por exemplo, pode se manifestar de várias formas.
    E sobre a existência dos demônios, encontra-se evidência na hagiografia, na Metafísica, no estudo das práticas de exorcismo, e, claro, na Revelação. Só não acredita quem não quer. :)

    Em Cristo

    ResponderExcluir
  19. Paulo TB9/29/2011

    Olá para todos!!

    Comungo das palavras da Andrea. Parece díficil separar a negação do espiritismo e estar desrespeitando os espiritas, no entanto, não é; aceitar o espiritismo, é negar o cristianismo, e se somos cristãos verdadeiros com uma fé bem fundamentada, nunca o aceitaremos.
    Contudo devemos falar a mesma liguagem, a do amor.
    Em várias passagens da bílblia é claro que a ressurreição é a base na fé cristã e o que vem contra a doutrina espirita. Ñão podemos conceber Cristo como apenas um simples profeta ou um espirito evoluído, senão o filho de Deus ressucitado, se não vã seria a nossa fé. O entendimento do legado d Cristo, a revelação do Pai, pessa pela nossa razão, mas sobre tudo pela experiência pessoal de Deus.
    Muitas coisas nos fogem a compreensão e o espiritismo tem a tendência de dar respostas simplistas acerca de coisas que teologicamente sao complexas. O mundo atual, tecnológico nos induz a ter respostas imediatistas e fáceis de compreender, por isso muitas pessoas mal catequizadas se deixam influenciar por tal doutrina.
    Quanto à evolução, penso que existem coisas que são imechíveis, intocáveis. Então não se questiona a ressureição, assim como a divindade de Cristo e a instituição da Igreja por meio de Pedro.
    O que precisa evoluir na Igrja Católica, creio que seja a fidelidade dos votos,e a formação de muitos ministros que deixam escapar da verdadeira fé muitos fiéis que vivem na ignorância espiritual.

    A riqueza da Igreja Católica é imensa. Apesar de nossa igreja falhar um pouco na acolhida,muitos são os instrumentos e meios para alcançar a salvação. a Eucaristia, Maria, os sacramentos. Nossos irmãos separados na fé não sabem o que estão perdendo.

    Grande abraço a todos!!

    ResponderExcluir
  20. Carla Cabral11/13/2011

    Espiritismo é religião? Nota-se que as próprias pessoas adeptas ao Espiritismo não o conhecem, pois vejam o que encontrei: "Segundo Allan Kardec, no seu principal livro - O Que é o Espiritismo -, a Codificação espírita é uma doutrina de caráter experimental cientifico e conseqüências filosóficas, encerrando uma parte religiosa, como garante a um padre, respondendo-o, no mesmo livro."

    ResponderExcluir
  21. Prezada Carla, o Espiritismo pretende se colocar como doutrina e não como religião, o que no fim das contas é confuso porque eles pretendem oferecer respostas que na verdade são religiosas, tais como: "o que acontece no pós-morte", "há vida após a morte?", "por que há o sofrimento?", entre outras. Eles prestam algum tipo de culto, fazendo orações ao que eles chamam de deus (o deus do Deísmo) e aos "espíritos". Ou seja, Kardec deixou aberto o espaço para se dizer tanto que o espiritismo não é religião, quanto para usar o espiritismo como religião, conforme vemos na citação que você deixou aqui. É uma tremenda arapuca para pegar os incautos católicos que se aproximam achando que o espiritismo é uma doutrina filosófica e terminam por apostatar ao "cultuar espíritos" e crer em outras coisas contrárias ao cristianismo, como a reencarnação, por exemplo.

    Religião verdadeira é a cristã, é a católica, que foi fundada pelo próprio Deus encarnado e que guarda até hoje o depósito da Fé.

    A Paz!

    ResponderExcluir
  22. Sou catolico e pesquisando sobre religiões e doutrinas, tive a sorte de ganhar de minha prima o Anuario de espiritismocientifico=ano de 1993, onde na pagina40 lemos no artigo A teoria do modelo organizador biologico=O homem é filho de DEUs... Criado I.M.P.E.R.F.E.I.T.O por DEUS...Daí concluimos que o deus espirita NÃO é o DEUS CATOLICO que nunca erra. Ainda bem que cientistas espiritas tem o bom senso de dizer a verdade ao mundo.

    ResponderExcluir
  23. Sou catolico e pesquisando sobre religiões e doutrinas, tive a sorte de ganhar de minha prima o Anuario de espiritismocientifico=ano de 1993, onde na pagina40 lemos no artigo A teoria do modelo organizador biologico=O homem é filho de DEUs... Criado I.M.P.E.R.F.E.I.T.O por DEUS...Daí concluimos que o deus espirita NÃO é o DEUS CATOLICO que nunca erra. Ainda bem que cientistas espiritas tem o bom senso de dizer a verdade ao mundo.

    ResponderExcluir
  24. Paul, muito obrigada pela citação!

    Pois é, eles dizem algumas coisas claramente, mas as coisas estão tão confusas hoje em dia, e as pessoas tem tão pouca informação verdadeira, que terminam acreditando nas falácias espíritas. O deus deles é o deus do Deísmo, não é o Deus que se Revelou, o Deus verdadeiro.

    Que Deus ilumine os que sem meteram com essa falsa doutrina!

    ResponderExcluir
  25. Anônimo11/27/2011

    Nossa Senhora é a nossa mãe.

    DESAFIO A TODOS A FAZEREM UM TESTE:

    REZA UMA SIMPLES AVE MARIA PAUSADAMENTE COM MUITA FÉ, ATENÇÃO E ENTUSIASMO, E SENTIRÁ O CONFORTO NO CORAÇÃO QUE SÓ UMA MÃE PODE DAR!!

    ResponderExcluir
  26. Anônimo1/17/2012

    Ou você é tola ou se faz de tola por conveniência. A igreja não cometeu atrocidades? Quem você imagina que esteve atrás dos Reichs? E os índios dizimados no Brasil quando a igreja católica quis convertê-los e seus fiéis seguidores os massacraram? Religião é mesmo a desgraça do mundo. Alienação aplicada.

    ResponderExcluir
  27. @AnônimoAh, mas é sempre interessante ler o que os "corajosos" anônimos ateus escrevem.

    Não, a Igreja não cometeu atrocidades, nem dizimou indios (até porque se assim o fosse gente como eu que descende não só de europeus, mas também de índios não existiria! Sem falar os índios todos que conheci no Norte e Nordeste...). Quem estava por trás do Reich era a sociedade esotérica de Thule, era a Maçonaria e o Teosofismo de Blavatsky. Hitler dizia que pisaria a Igreja como se pisa uma serpente, mas os ateus de plantão adoram dizer que a Igreja tinha algo a ver com o nazismo. Falta honestidade e estudo de fontes fidedignas.

    Ateísmo e espiritismo é que são fruto da alienação.

    Busque a Verdade.

    ResponderExcluir
  28. Não acredito em um Deus que valorize um grupo ou religião em detrimento de outro.
    Não entendo o porque de alguns religiosos terem essa necessidade de impor suas visões de mundo aos outros. A verdade é que ninguém tem certeza absoluta do que ocorre após a morte. Ficar discutindo qual é a religião mais "correta" é um absurdo. Uma perda de tempo que só gera conflitos. Andrea, desculpe, mas achar que a igreja católica está sempre correta e que ela nunca cometeu atrocidades é de uma alienação grotesca.
    Vi esse blog em um link no site Sainda da Matrix por isso pensei que fosse mais mente aberta. Ledo engano. Só vejo aqui fundamentalismo e moralismo.

    ResponderExcluir
  29. Allan Cosme, obrigada pelo comentário.

    Veja, Deus Se revelou, escolheu apóstolos, ensinou-os sobre as coisas do Céu, ensinou a Missa, etc. Fundou uma Igreja. Essa Igreja está de pé até hoje, e é a Católica. Esta é a religião verdadeira porque é a única que Deus fundou.

    Porque Deus não faria isso? Porque Ele não escolheria um povo para Se revelar e depois espalhar Sua religião pelo mundo para salvar almas? Pense nisso.

    Busque sinceramente, e você irá encontrar a verdade.

    O SDM é de um amigo meu, muito querido, de quem eu discordo muito sobre religião. Mas a quem eu amo de todo coração e rezo para que ele se converta.

    Não, a Igreja não cometeu atrocidades. Eu também pensava assim há anos atrás, até que investiguei por conta própria e descobri as falsificações e mentiras criadas por grupos que odeiam a verdade, odeiam Deus e a Igreja.

    Mas não acredite em mim, busque por você mesmo. Peça a Deus, com sinceridade, para encontrar a Verdade.

    Que Nosso Senhor Jesus Cristo te ilumine!

    ResponderExcluir
  30. Caros Amigos, pergunto?
    quando um catolico cende uma vela a um santo e faz pedido a este santo, este santo é vivo ? ou morto ? então quem comunica com os mortos são os espiritas?
    abraços fraternos

    ResponderExcluir
  31. Santana, só há uma diferença: nós católicos não evocamos os mortos, nós pedimos que eles, onde eles estiverem (Céu ou Purgatório) roguem por nós aqui. E isso é feito devido a comunhão dos santos. Os santos (ou seja, os que estão salvos) vivem em comunhão perfeita com Deus e Ele dá Suas graças através deles. Mas o espírita evoca, ou seja, chama os mortos, quer se comunicar com eles, receber mensagens, quer que eles apareçam, etc. Isso é proibido por Deus e ponto final.

    Saul quis se comunicar com um morto de maneira ilícita, através da evocação. E qual foi o fim dele? A desgraça na qual ele caiu é exemplo do que acontece com os que desobedecem as ordens de Deus.

    Busque a Verdade.

    Que Deus te ilumine!

    ResponderExcluir
  32. Sabemos muito bem que o espiritualismo com suas diversas faces(espiritismo,umbanda candomble etc)esta enganando a todos(ventos de doutrina),podemos ate admirar a caridade que os espiritas fazem porem a igreja tambem o faz,entre outras,reencarnaçao nao existe anulka o sacrificio de JESUS na cruz ou o que aconteceu foi historinha????admiro muitos catolicos se deioxarem levar por estas correntes de doutrinas!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Alberto, obrigada pelo comentario. Também fico admirada com o fato de católicos darem atenção a tantas bobagens e mentiras. Mas estamos numa crise grave, crise de Fé, e as pessoas estão muito confusas e perdidas. Temos que rezar muito por nós e pelos outros.

      A Paz!

      Excluir
  33. Senhor Angelo, não vou publicar seus comentários cheios de observações ignorantes e proselitismo espírita. Estude história e não os livrinhos editados por protestantes, com propaganda mentirosa contra a Igreja. Estude: Regine Pernoud, Thomas Woods, Jaque Le Goff (com reservas), Daniel Rops, March Bloch (com reservas), entre outros historiadores sérios e não professores raivosos que inventam e distorcem os fatos.

    E ainda vem me indicar Voltaire? Aquele que mentiu mentiu e no fim chamou um padre para atendê-lo em seu leito de morte? Um propagandista daquele nível? E você acha que eu nunca li essa criatura?

    Quer aprender? A sério? Leia isso aqui, só para começar:

    Sobre Cruzadas:
    http://borboletasaoluar.blogspot.com.br/2008/04/alguns-mitos-sobre-as-cruzadas.html

    http://borboletasaoluar.blogspot.com.br/2011/07/perito-desmente-mitos-anti-catolicos.html

    http://borboletasaoluar.blogspot.com.br/2009/02/as-cruzadas-agredidos-e-agressores.html

    Inquisição:
    http://borboletasaoluar.blogspot.com/2011/08/para-entender-inquisicao.html

    Veja como os protestantes eram bonzinhos:
    http://caiafarsa.wordpress.com/inquisicao-2/

    Nesse site você pode buscar por temas e aprender muito:
    http://caiafarsa.wordpress.com/

    ResponderExcluir