sexta-feira, agosto 13, 2010

Para onde fugirás?


"Ó mortal, quando compareceres diante do criador para seres julgado, tu te encontrarás diante de um Juiz cheio de indignação, os teus pecados te acusarão; os demônios estarão prontos a executar a sentença; dentro de ti mesmo terás a consciência que te agita e te atormenta; e a teus pés o Inferno estará aberto para engolir-te.Em tal aflição, para onde irás, para onde fugirás?". (Santo Agostinho)



Esta citação do grande Santo Agostinho é ótima para ser lembrada naqueles momentos em que as pessoas, o mundo, nossos vícios ou Satanás tentam nos empurrar para a satisfação das paixões, para o afastamento do cuidado das coisas de Deus (Missa, oração, leituras piedosas...).

Quando você for tentado, por quem quer que seja, lembre-se que no dia do Juízo não haverá para onde correr. Lembre-se de que na hora do encontro com Deus, talvez a única advogada de defesa seja Maria Santíssima. Mas como obter os favores de tão santa advogada se não se lembra dela no dia a dia, se não se reza a Ave Maria, se não se faz o Terço, se busca os prazeres impuros? Com tanta infidelidade, porque ela haveria de ser fiel a um súdito tão relapso?

Podemos passar a vida longe das coisas de Deus, brincando, dançando, comendo e bebendo, mas a hora da verdade chega para todo mundo.

E você, está pronto para isso?