terça-feira, abril 26, 2011

Provérbios sobre a fala e o silêncio



“Falando muito não fugirás ao pecado”

“a morte e a vida estão em poder da língua” (Provérbios 18,21)

Diz a Regra de São Bento:

“Preservar a boca de palavras más ou perniciosas;
Não gostar de falar muito;
Não dizer palavras vazias ou que apenas provoquem o riso;
Não gostar do riso excessivo e barulhento.”

(Quais são os instrumentos das boas obras. Capítulo 4)

“Quanto às brincadeiras, palavras ociosas e as que apenas provocam risos, nós as condenamos, em todos os lugares, a uma eterna clausura, e não permitimos ao discípulo abrir a boca para tais palavras.”

(Do silêncio. Capítulo 6.)