terça-feira, agosto 14, 2012

Baratas tontas




O mundo corre louco, todos estão com pressa. Correm e correm, e algumas vezes andam em círculos, voltando aos mesmos erros. Parecem baratas tontas.
E como baratas vão vivendo, apenas cuidando de sobreviver, sem deixar de buscar se divertir um pouco, é claro, pois repetem sempre “ninguém é de ferro!”. Sim, ninguém é de ferro, é verdade. E ninguém é de aço e ninguém vive nesse mundo para sempre. Alguém aí se lembra disso?
O que importa para as pessoas do mundo se o amanhã não existir? Elas vivem como se não houvesse amanhã. Não pensam que podem dormir e não mais acordar nessa vida. Esqueceram o respeito, o temor de Deus.
Então preferem deixar tudo como está. Querem sair e “beber todas” para esquecer de suas miseráveis vidas. Querem continuar entontecidas feito baratas borrifadas com veneno. E como baratas vão morrendo, envenenadas com os males do mundo.