quarta-feira, novembro 26, 2014

Punks escolhem Francisco para suas tatuagens



Por Tradition in Action

 Traduzido por Andrea Patrícia*



A onda de destruição que o Papa Francisco promoveu nas instituições e doutrinas da Igreja Católica levantou a admiração de incontáveis maçons, comunistas, judeus e hereges dos mais diversos azimutes entre os inimigos do catolicismo. 


Agora, ele está adicionando a esta balança a admiração de punks, que estão fazendo dele um ídolo para suas tatuagens. Seja espontaneamente ou estimulado pelas competições da mídia (GISHWHES), tornou-se moda para punks, hippies e homossexuais mostrar perfis e retratos de Francisco – o amigão deles – em seus corpos.

Numa era passada, antes do Vaticano II, os Papas eram inspiradores de grandes ações de dedicação pela Fé Católica, pela Moral, e pela Civilização Cristã. Hoje, ai!, eles são os inspiradores de inimigos da Igreja e de anarquistas que lutam para varrer os últimos resquícios da civilização.

Original aqui.

___________________
*No artigo original há mais imagens deste tipo, mas em áreas do corpo muito imodestas, então cuidado ao acessar.