terça-feira, julho 17, 2018

O Senhor dos Anéis é gnóstico?



Eu nunca acreditei que a obra de J. R. R. Tolkien fosse gnóstica. Há gente que acusa O Senhor dos Anéis de gnosticismo sem nunca mesmo ter lido o livro. Sim, acredite, eu já vi isso.

Leiam o texto abaixo, bastante elucidativo.
O Senhor dos Anéis é gnóstico?
Vejamos:
1 - Na mitologia do Senhor dos Anéis não há dualismo. Não há Deus mau, só um Deus bom (Eru). Melkor só possui poder pois este lhe foi dado por Eru, não possui nenhuma autonomia criadora. Não há emanação, apenas a criação de Eru. O resto é tudo sub-criação. A criação é boa e Eru tira um bem do mau.
2- Não há salvação pelo conhecimento. Não há um conhecimento espiritual só acessível a meia dúzia de iniciados. Gandalf, por exemplo, faz de tudo para que entendam minimamente o que está em jogo, sendo que só se entende por intermediações, não por experiências místicas independentes.
3- Não há desprezo pela carne. Na linha dos melhores autores medievais há uma valorização imensa da natureza e do mundo criado. Da culinária Hobbit às árvores e etc.
4 - Não há magia no sentido do Magus Renascentista. A “magia” do Senhor dos anéis é geralmente demonstração de poder Valar e Maiar (podemos chamar de angélico). Em todos os casos, muito claramente, ela só é possível graças a Eru. Há uma valorização simbólica do sagrado, o que está longe de ser gnose.
5– Na idade Média a literatura católica era cheia de dragões, magos e combates místicos. Basta ler por exemplo Sir Gawain e o Cavaleiro Verde (bela obra). Há uma valorização da pureza e da humildade além de uma valorização simbólica da Virgem Maria. No entanto, a forma simbólica é “mágica”. Os medievais gnósticos que não produziam tanta literatura, pois se levavam muito a sério e levavam a magia a sério.
Me parece claro que o Senhor dos Anéis carece de qualquer elemento gnóstico.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de fazer seu comentário: ele deve ser relacionado ao post, e feito respeitosamente. Reservo-me o direito de não publicar comentários que julgue desnecessários ou desrespeitosos. Os comentários não expressam a minha opinião e são de total responsabilidade de seus autores.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.